Pajens e daminhas! Que eles dão charme e tornam a cerimônia de casamento muito mais emocionante, ninguém pode negar! Além de arrancar suspiros durante a troca de votos, a participação dos pequenos também costuma ser o ponto imprevisível do grande dia, afinal, não temos como prever a reação das crianças diante de tantas pessoas e flashes.

Se até mesmo os padrinhos e as madrinhas ficam nervosos na entrada da cerimônia, que dirá as crianças! No entanto, mesmo com todos os riscos da participação dos pequenos não sair como o esperado, ainda vale a pena tê-los na cerimônia, afinal de contas, os improvisos espontâneos dão mais graça à entrada.

Para que tudo saia como planejado, é preciso ter cuidado na organização e também na escolha das crianças para a cerimônia. Por isso, separamos 7 dicas incríveis para que você tenha pajens e daminhas perfeitos no seu casamento. Confira!

1. Escolher pajens e daminhas próximos aos noivos

O ideal é que você leve em consideração o grau de intimidade. Não é necessário que as crianças convidadas sejam familiares, desde que exista afinidade. Vale tanto filhos de amigos quanto sobrinhos, afilhados etc. O importante é deixar bem claro para as crianças que este é um momento muito especial na sua vida. Explique também que na cerimônia haverá muitas pessoas e fotógrafos, para que as crianças não se assustem com a quantidade de convidados no casamento.

Quanto a idade, não existe uma regra. No entanto, é indicado que você escolha as crianças que tenham idade a partir de 4 anos. Elas já entendem um pouco mais as coisas e as chances de imprevistos serão menores.

2. Planejar uma entrada diferente

Nesse momento, você e o seu noivo podem ser bem criativos e inovar na entrada dos pequenos na cerimônia. Seus pajens e daminhas podem entrar andando, motorizados ou até mesmo acompanhados de algum pet. A seguir, listamos algumas opções:

  • com a ajuda de um adulto — ideal para bebês, garante que a criança não caia durante a passadeira. A dama de honra ou o pajem podem andar de mãos dadas com seus pais ou algum familiar;
  • distribuindo flores ao convidados — é uma forma de manter a daminha atenta ao caminho e também de ser delicada com as pessoas presentes;
  • motorizado — utilizar um carrinho elétrico é uma forma divertida dos pequenos entrarem na cerimônia;
  • bolhas de sabão — além de ser divertido, dão um ar mais lúdico ao casamento. As crianças podem soltar bolhas de sabão durante a passadeira.

Assim como a entrada, os noivos também podem abusar da criatividade e deixar as crianças levarem outros objetos além da tradicional aliança. Por exemplo: plaquinhas bem-humoradas ou com frases de amor, coroa ou buquês de flores, boneca com o mesmo vestido, balões com formato de coração, cesta com pétalas de rosas brancas ou vermelhas e até mesmo com a imagem da santa de devoção dos noivos.

3. Conversar com os pequenos

Conversar com as crianças é essencial para que elas entendam o papel importante que elas terão no casamento. Para isso, você pode mostrar vídeos com pajens e damas, explicar cada detalhe de como será a entrada das meninas e dos meninos, procurando sempre incentivar a criança com a tarefa.

Se houver mais de um casal de crianças, procure deixar os menores na frente e os maiores atrás. Dessa forma, o visual ficará mais harmonioso.

4. Realizar ensaios com as crianças

Para  evitar imprevistos, é indicado que seja feito pelo menos três ensaios com os pajens e as daminhas antes da data do casamento. Para isso, é preciso escolher a música e a contagem dos passos para que eles estejam sincronizados na entrada da cerimônia.

Não esqueça também de ensaiar o cortejo de saída. Os primeiros a sair são os noivos, seguidos pelas daminhas e pajens, damas adultas, pais da noiva, pais do noivo e, só então, os padrinhos do casal.

Vale lembrar que se os pequenos tiverem idade inferior a 4 anos, é preciso respeitar os limites de aprendizagem e procurar não fazer muitas exigências.

5. Escolher trajes confortáveis

Opte por vestir as crianças como crianças. Procure trajes confortáveis, que deixem os pajens e as daminhas à vontade. O traje pode ser de acordo com a decoração e o local em que será realizada a cerimônia. Não existem regras para a escolha dos trajes dos pajens, as peças devem apenas estar em sintonia com o estilo do noivo. As daminhas não precisam usar uma versão menor do vestido da noiva, apenas devem usar uma peça que combine.

6. Optar por uma make e penteado simples

maquiagem das daminhas deve ser leve e simples. O ideal é que a make respeite a beleza natural da criança, por isso, nada de sombras e batons escuros. É aconselhado optar por cores claras e utilizar somente produtos exclusivos para a pele de crianças.

Para os cabelos, é indicado abusar dos acessórios como tiaras, coroa de flores e laços. No caso de penteados, pode fazer cachos, coques e tranças. Já os meninos, podem passar gel no cabelo.

7. Fazer lembrancinhas exclusivas

Prepare uma lembrancinha exclusiva para dar aos pajens e daminhas após a cerimônia, pois será uma maneira de agradecê-los pela presença e dedicação. Para escolher o presente certo, não se esqueça de levar em consideração a idade.

Brinquedos, kits com cadernos e lápis para colorir, robes e roupões, chinelos personalizados, toalhinhas com os nomes gravados, bonecos e até mesmo guloseimas — como pirulitos, balas, cupcakes e chocolates —, são ótimas opções para presentear os pequenos.

Como vimos, para que tudo saia da maneira planejada, é essencial que os noivos conversem com as crianças e procurem sempre deixá-las à vontade. Procurar trajes confortáveis que permitam que a criança brinque, respeitar os limites de aprendizagem e não pressioná-las durante o ensaio é fundamental para que os pequenos entendam que esse momento é especial — e que fiquem animados para o grande dia.

Este post foi útil para você? Então compartilhe suas opiniões e experiências deixando um comentário no post!