cuidado-com-olheiras-make-you-app

As olheiras são um dos grandes motivos de queixas de homens e mulheres, afinal, as manchas ou bolsas em volta dos olhos são bastante visíveis e ganham destaque por ocuparem uma área central do rosto. Apesar de existir muita generalização a respeito, você sabia que existem vários tipos de olheira?

Para acabar com elas, ou aprender a lidar com esse mal, é preciso entender um pouco mais sobre suas causas, tipos e cuidados diários. Ficou interessado em saber mais a respeito? Continue acompanhando a leitura para conferir as dicas!

Quais são os tipos de olheira e o que as causam?

As olheiras são divididas em cerca de três tipos, podendo haver uma combinação deles na mesma pessoa. A divisão é baseada na aparência, coloração e causa. Como cada olheira apresenta características diferentes, suas causas também podem variar de tipo para tipo e de pessoa para pessoa. Entenda mais a seguir!

Vasculares

Geralmente, apresentam uma cor azulada, arroxeada ou avermelhada. É possível reconhecer as olheiras vasculares ao analisar bem de perto a pele limpa e sem maquiagem. Nesse caso, você pode identificar os vasinhos ao puxar e esticar um pouco a pele.

São causadas pelos microvasos, por má circulação, retenção de líquido ou acúmulo de hemoglobina na região dos olhos. Como a pele dessa área é fina, a cor de baixo da pele fica facilmente destacada.

Pessoas com olheiras vasculares costumam apresentar tendência genética para isso. No entanto, fatores como vida estressada, falta de descanso e situações que aumentam a retenção de líquido (má alimentação e período menstrual) são importantes fatores para o desenvolvimento ou agravamento dessas manchas.

Melânicas ou pigmentares

São bastante comuns em mulheres e homens com pele morena ou negra. O tom escuro ou amarronzado da área embaixo dos olhos é o suficiente para reconhecer as olheiras melânicas.

Elas são causadas pelo excesso de melanina em volta dos olhos, dando um aspecto de escurecimento. Essa tonalidade mais forte é gerada ou intensificada, também, por fatores genéticos, distúrbios hormonais ou por longa exposição aos raios solares sem proteção.

Estruturais

Esse tipo de olheira costuma ser bastante escura e dá a sensação de olhos fundos. É possível identificá-la ao apalpar a região e sentir um “degrau” entre a maçã do rosto e a área dos olhos, além da sombra que é formada nessa mesma parte.

As olheiras estruturais ocorrem devido à estrutura óssea do rosto, que faz com os olhos fiquem com aspecto fundo. Além disso, bochechas mais altas, pele fina e o envelhecimento também contribuem para aumentar essa aparência.

Mistas

As olheiras mistas são bem comuns. Elas ocorrem quando dois ou mais dos tipos de olheira citados anteriormente se manifestam ao mesmo tempo. Sua cor e aspectos dependem dos tipos que são combinados.

Como faço para tratar minhas olheiras?

O tratamento para as olheiras depende bastante das causas e tipos. Como algumas têm fortes fatores genéticos, nem sempre é possível eliminá-las completamente, mas sempre existe uma chance de minimizar o aspecto escurecido.

Por exemplo, se o seu problema for as olheiras melânicas, o ideal é sempre passar protetor solar para o rosto e utilizar cremes clareadores. Você também por optar por um procedimento estético, como o peeling químico.

Para as olheiras vasculares, o procedimento estético mais indicado é a luz pulsada, pois ele ajuda a diminuir a dilatação dos vasinhos, evitando as indesejadas manchas escuras. No entanto, se preferir algo mais natural e caseiro, você pode aplicar infusões de camomila gelada para diminuir a coloração forte.

Já as olheiras estruturais são consideradas mais difíceis de serem tratadas. No entanto, podem ser feitos procedimentos estéticos como preenchimentos com ácido hialurônico. E não podemos esquecer dos cuidados com a pele e alimentação para retardar o envelhecimento precoce que pode agravá-las.

Como posso utilizar a maquiagem ao meu favor?

Quando o tom das olheiras é forte, é indicado utilizar um bom corretivo com auxílio de um pincel para escondê-las. É preciso saber utilizar bem esse produto para disfarçar as manchas e dar uma aparência de make natural. Mas, antes de tudo, você deve saber que para cada tom de olheira existe uma cor oposta para anular o tom indesejado.

Para olheiras roxas ou amarronzadas, deve-se utilizar corretivo amarelo. Para as azuis, o laranja. Para as vermelhas, o verde. Além disso, é importante tomar cuidado ao aplicar o corretivo, começando com pouco e testando até encontrar o tom perfeito para a sua pele.

É possível evitar esse problema?

Cada olheira tem suas causas e elas, geralmente, envolvem a genética. Sendo assim, o ideal é agir de maneira a evitar os principais causadores de cada tipo. No entanto, existem alguns fatores principais e decisivos para aparição das olheiras, sendo indispensável identificar seus hábitos e mudá-los a fim de evitar o desenvolvimento desse mal.

Alimentação

A alimentação tem grande influência no aspecto da nossa pele. Quando mais equilibrada e rica em nutrientes essenciais ela for, mais bonita, hidratada e saudável a pele se torna. E não é só isso, uma alimentação com excesso de sódio pode causar retenção de líquidos que, por sua vez, contribui para as olheiras vasculares com suas manchas arroxeadas.

Descanso

Noites sem dormir são um dos piores inimigos das olheiras e dos olhos inchados. Uma noite ou outra sem descanso pode ser inevitável e as olheiras causadas por elas podem ser mascaradas com a maquiagem certa. No entanto, elas não devem fazer parte de sua rotina. Por isso, sempre priorize a qualidade de sono.

Cuidados com a pele

Os cuidados não devem ser apenas de dentro do corpo para fora, mas, também, de fora para dentro. Passar protetor solar facial diariamente, remover a maquiagem antes de dormir e não esfregar a área do olhos são alguns dos cuidados diários para manter a saúde da pele e evitar as manchas.

Sendo assim, é possível diminuir o aspecto de cada um dos tipos de olheira e tomar cuidados para evitar que elas venham a se agravar. E lembre-se: cuidados com a pele e o corpo também são hábitos essenciais para evitar esses problemas e manter a pele saudável, mas a maquiagem sempre será uma ferramenta para quando for preciso.

Gostou de saber um pouco mais sobre os tipos de olheira? Confira também como hidratar os olhos e deixar a pele ainda mais bonita![/column]